Comentários ofensivos após eleição

nov 2, 2014Oswaldo Carreiro, Pastores, Reflexões0 Comentários

Votamos e cumprimos nosso dever como cristãos e cidadãos brasileiros. Mas não apenas o nosso voto para Presidente deveria ter sido dirigido por princípios e valores bíblicos; mas também as nossas atitudes e reações após o resultado das urnas. Lamentavelmente tenho lido alguns comentários infelizes veiculados nas redes sociais, que são ofensivos, maldosos, depreciativos, totalmente destituídos do amor verdadeiro que deve caracterizar os cristãos genuínos. Há um limite para tudo e esse limite está bem definido e orientado pelas Escrituras. Ainda no último domingo, antes mesmo do resultado das eleições, fomos ensinados pelo Fernando sobre as implicações da transformação que Cristo efetuou em nós cristãos, quando ainda éramos totalmente incapazes, desprezíveis, separados e sem Deus. Note que a instrução bíblica é clara e não nos dá liberdade para preferirmos alguns e preterirmos outros e muito menos para ofendermos os que pensam ou escolhem diferentemente de nós. Veja, Pedro diz: “Agora que vocês purificaram as suas vidas pela obediência à verdade, visando ao amor fraternal e sincero, amem sinceramente uns aos outros e de todo o coração.” (1 Pe 1.22).

Tecer comentários depreciativos ou ofensivos sobre qualquer pessoa ou grupo de pessoas que não pensam como você pode não ser matéria para uma censura do TSE, mas certamente é condenado por Deus. É pecado! E todo pecado deve ser confessado para sermos perdoados e vivermos em comunhão uns com os outros. A afirmação bíblica é esta: “Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça.” (1 Jo 1.8,9)

Considere estas palavras, sonde o seu coração e alinhe seus pensamentos com os pensamentos de Deus em Sua Palavra antes de postar qualquer comentário nos meios sociais. Peça perdão a Deus e a alguém que talvez você possa ter ofendido com algum comentário. Não se deixe levar pela maioria e nem pela murmuração, ódio ou atitude de menosprezo ao próximo. Aproveite as oportunidades para glorificar a Deus e edificar as pessoas. Demonstre aqui nesta vida, pelas suas palavras e atitudes que o Seu desejo maior é satisfazer Àquele que em Cristo e por amor recebeu você em Sua família para que seja Sua testemunha da nova vida e esperança que somente Cristo pode dar. Lembre-se da recomendação de Paulo quanto à atitude que deve reger nossas palavras e ações, bem como o nosso coração: “Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai.” ( Cl 3.17)

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Arquivos

Autor

Comentários

Imediatismo

Como os dias são corridos e acelerados. Essa é uma observação quase que comum em nossos dias. Mas será que as 24hs do dia estão passando mais rápido do que antigamente? Não é essa a questão, mas vivemos na “cultura do imediatismo”, expressão cunhada por Douglas...

|maio 26, 2024

Futilidade ou bênção?

Como estão seus planos e projetos? Quão necessário é reconhecer que é inútil preparar um projeto ou buscar mantê-lo a não ser que o Senhor abençoe esse nosso trabalho e esforço. Nos primeiros dois versos do Salmo 127, o salmista considera a futilidade do trabalho...

|maio 19, 2024

Processo de sucessão

Como todos devem saber, estamos no processo de definir o futuro Pastor Líder da Fonte, que assume esta posição em Julho de 2030. Temos documentado processo, perfil, decisões, cronologia e todo o material está no link igrejafonte.org.br/sucessao/ Depois de definido...

|maio 12, 2024

Útil para o ministério

No último parágrafo do último capítulo do último livro do apóstolo Paulo, Timóteo é exortado e aconselhado sobre 4 tipos de pessoas que são encontradas no serviço ao Senhor. O primeiro está em 2 Timóteo 4:9 e é representado por Demas. Ele fora um cooperador do...

|maio 5, 2024

Esperança na Profundeza

Os dois primeiros capítulos do livro do profeta Jonas mostram como a sua vida se afundou cada vez mais, na medida em que desejava fugir do Senhor. É certo que a tentativa de fuga de Deus é vã, pois até mesmo no mais profundo do abismo, Deus lá estará (Sl 139.8)....

|abr 28, 2024

O Libertador Prometido

Ao considerarmos o Pentateuco, frequentemente observa-se certo desânimo diante das diversas leis e genealogias, desviando alguns de ênfases teológicas cruciais presentes no texto. Entre elas, destaca-se a figura do Libertador, prenunciado como aquele que surgiria...

|abr 21, 2024

Perdão Medicinal

"Porque, se perdoarem aos outros as ofensas deles, também o Pai de vocês, que está no céu, perdoará vocês; se, porém, não perdoarem aos outros as ofensas deles, também o Pai de vocês não perdoará as ofensas de vocês." Mt 6:14-15. Esta declaração do Senhor é tão...

|abr 14, 2024

A Bíblia fala sempre

Passam os séculos e a nossa fé continua a ser constantemente atacada. Isto não é novidade para aqueles que conhecem a Bíblia desde Gênesis. Seria comum atribuirmos estes ataques a pessoas avessas às nossas crenças; entretanto, o problema maior é quando Satanás usa...

|abr 7, 2024

“Terrível e Maravilhoso”

A morte e ressurreição de Jesus Cristo nos conduzem a uma narrativa que aponta para um paradoxo, onde o terrível horror da traição, condenação e morte de Cristo se entrelaça com as maravilhosas manifestações do poder e da graça divina. Uma história marcada por...

|mar 31, 2024