O Cordeiro: entregue em sacrifício desde antes da criação do mundo

dez 25, 2016Lucas Tutui, Pastores0 Comentários

O nascimento do nosso Salvador estava planejado antes mesmo que o mundo fosse formado. Nosso Deus não será pego de surpresa, ele nunca precisará de um “plano b”. Somos alvos de um plano incrível de amor. É sobre isso que o Dr. J. Scott Horrel, trata neste seu pequeno texto sobre o Cordeiro: entregue antes da fundação do mundo. Desfrute desta verdade bíblica e dá esperança que temos em Cristo.

O Natal tem origem no Deus trino – o plano do Pai, a escolha do Filho e o mover do Espírito – e essa origem remete a antes da criação do mundo. A encarnação e o sacrifício do Salvador compreendem o fim da narrativa que define o propósito da história terrena e divina.

Na narrativa bíblica, Abel cuidava de ovelhas. A morte dele marca o começo de uma analogia notável que se revela no decorrer das páginas do Antigo Testamento, seguida do cordeiro da Páscoa (Êxodo 12:3-27), a Lei dada a Moisés a respeito dos sacrifícios, os quais incluíam “um cordeiro macho sem defeito”, sobre o qual era simbolicamente depositado o pecado para fazer a expiação (Levítico 1:3-4). Finalmente, no batismo de Jesus Cristo, João Batista exclama “eis o cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (João 1:29).

Das 32 vezes em que o termo “cordeiro” ocorre no Novo Testamento, 27 estão no livro do Apocalipse como um dos nomes do Filho de Deus. Quando o Cristo glorificado aparece a João em visão, na ilha de Patmos, o apóstolo vê que o rosto de Jesus era como o sol em todo o seu esplendor (Apocalipse 1:16) – como uma luminosidade nuclear irradiada a partir de um corpo humano. Vemos, nessa descrição, a luz ofuscante do Filho, cuja presença torna insignificante o poder dos imperadores.

Quando João é transportado ao céu, em visão, contemplamos o Filho de Deus glorificado. Mesmo assim, ele é descrito como um cordeiro que havia sido morto (Apocalipse 5:6). Que imagem mais estranha e chocante. Então, Jesus é adorado por ter sido morto e, com seu sangue, ter comprado homens de toda tribo, língua, povo e nação (5:9). A glória do Filho no céu se concentra no fato de ele ter se tornado o substituto dos pecadores. Ele pagou a dívida. Essa é a doutrina da salvação que vem do céu.

Ao longo do restante do livro de Apocalipse, Jesus é “o Cordeiro”. É verdade que o Filho é criador, julga e legisla sobre tudo e todos, mas a obra mais impressionante que ele realizou foi ter se entregado como sacrifício, como o Cordeiro de Deus. A encarnação e a cruz revelam a profundidade do coração do Deus trino. O Natal teve sua origem antes da criação do mundo.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Arquivos

Autor

Comentários

Imediatismo

Como os dias são corridos e acelerados. Essa é uma observação quase que comum em nossos dias. Mas será que as 24hs do dia estão passando mais rápido do que antigamente? Não é essa a questão, mas vivemos na “cultura do imediatismo”, expressão cunhada por Douglas...

|maio 26, 2024

Futilidade ou bênção?

Como estão seus planos e projetos? Quão necessário é reconhecer que é inútil preparar um projeto ou buscar mantê-lo a não ser que o Senhor abençoe esse nosso trabalho e esforço. Nos primeiros dois versos do Salmo 127, o salmista considera a futilidade do trabalho...

|maio 19, 2024

Processo de sucessão

Como todos devem saber, estamos no processo de definir o futuro Pastor Líder da Fonte, que assume esta posição em Julho de 2030. Temos documentado processo, perfil, decisões, cronologia e todo o material está no link igrejafonte.org.br/sucessao/ Depois de definido...

|maio 12, 2024

Útil para o ministério

No último parágrafo do último capítulo do último livro do apóstolo Paulo, Timóteo é exortado e aconselhado sobre 4 tipos de pessoas que são encontradas no serviço ao Senhor. O primeiro está em 2 Timóteo 4:9 e é representado por Demas. Ele fora um cooperador do...

|maio 5, 2024

Esperança na Profundeza

Os dois primeiros capítulos do livro do profeta Jonas mostram como a sua vida se afundou cada vez mais, na medida em que desejava fugir do Senhor. É certo que a tentativa de fuga de Deus é vã, pois até mesmo no mais profundo do abismo, Deus lá estará (Sl 139.8)....

|abr 28, 2024

O Libertador Prometido

Ao considerarmos o Pentateuco, frequentemente observa-se certo desânimo diante das diversas leis e genealogias, desviando alguns de ênfases teológicas cruciais presentes no texto. Entre elas, destaca-se a figura do Libertador, prenunciado como aquele que surgiria...

|abr 21, 2024

Perdão Medicinal

"Porque, se perdoarem aos outros as ofensas deles, também o Pai de vocês, que está no céu, perdoará vocês; se, porém, não perdoarem aos outros as ofensas deles, também o Pai de vocês não perdoará as ofensas de vocês." Mt 6:14-15. Esta declaração do Senhor é tão...

|abr 14, 2024

A Bíblia fala sempre

Passam os séculos e a nossa fé continua a ser constantemente atacada. Isto não é novidade para aqueles que conhecem a Bíblia desde Gênesis. Seria comum atribuirmos estes ataques a pessoas avessas às nossas crenças; entretanto, o problema maior é quando Satanás usa...

|abr 7, 2024

“Terrível e Maravilhoso”

A morte e ressurreição de Jesus Cristo nos conduzem a uma narrativa que aponta para um paradoxo, onde o terrível horror da traição, condenação e morte de Cristo se entrelaça com as maravilhosas manifestações do poder e da graça divina. Uma história marcada por...

|mar 31, 2024